Já faz 10 anos que o Ragnarok Online deu as caras aqui no Brasil. Apesar de eu não jogar mais, ainda é um dos meus jogos preferidos.

Esse daqui é o vídeo original de abertura do jogo, utilizado em algumas mídias para divulgar e convidar as pessoas a conhecer o MMO !

Legal, né? E foi isso mesmo que você viu: um grupo de Classes 1, incluindo um Aprendiz, enfrentando o que no futuro seria o MVP Atroce. Muita arte conceitual seria utilizada apenas em atualizações futuras do jogo.

Olha essas duas imagens raras: elas são da versão alpha do jogo – a primeiríssima versão. Note como as cidades eram pequenas! Temos um projeto de Izlude e/ou Prontera, além de Morroc (ou Morocc, como está escrito em alguns lugares)!

ragnarok_alpha_izlude

ragnarok_alpha_morocc

O jogo passou por muitas mudanças desde então. Um dos grandes atrativos é que apesar de ter mensalidade, todas as expansões eram grátis. Hoje em dia você sabe, principalmente se você usa Steam: saiu coisa nova, tem que comprar para poder acessar e jogar. E com a mensalidade, você já tinha acesso a um dos dois servidores brasileiros: Chaos e Loki.

Uma das curiosidades é que os nomes dos servidores fazem referência aos personagens do manhwa (o “mangá” coreano) de mesmo nome. Chaos era o espadachim. Loki era o Algoz. Eventualmente no Brasil tivemos o servidor Íris, que era a Sacerdotisa. Fenrir era a Bruxa, que já possuía a magia “Tetra Vortex” antes mesmo do lançamento do jogo. A gatuninha Lidia era a responsável pelos momentos cômicos do grupo, junto com bicho de estimação.

Os quadrinhos de Ragnarok nunca continuaram. O artista criador já tinha vendido os direitos para a Gravity e começou a se dedicar a desenvolver o cenário do jogo. Os leitores estão há uma década esperando a continuação da luta entre Julianna Lucille e Loki.

ragnarok_manwha_final

É sempre saudoso rever imagens e ouvir as músicas do jogo. Só fico chateado por a Gravity não aproveitar o que tem em mãos. O mercado de jogos mudou. O modo como as pessoas gastam seu tempo e dinheiro nos jogos também está diferente. A tecnologia atual nos dá outra experiência de imersão (o quanto você fica conectado a um jogo, mesmo longe do computador), e nem de longe o Ragnarok Online tem algo que te mantenha interessado longe do PC (quem nunca abriu a loja, saiu para estudar/trabalhar, voltou de noite pensando “Nossa, devo estar rico!”, e encontrou sua loja cheia de itens com a mensagem “Desconectado do Servidor – OK” na tela?).

Entre falta de interesse e outros jogos disputando minha atenção, este vídeo a seguir é um dos motivos de eu ter parado de jogar Ragnarok Online.

Este vídeo foi gravado por um jogador nos 30 minutos finais do servidor oficial europeu de Ragnarok Online (euRO). É impossível assistir este vídeo sem ficar com os olhos no mínimo marejados. :’(
Eu, por exemplo, sempre choro. SEMPRE. #TrueStory

No Brasil, desde que o bRO (o servidor brasileiro) foi lançado, todos os dias os profetas do apocalipse tentava adivinhar quando o jogo seria encerrado. Cada mês surgia uma data nova, associada a cada renovação de contrato ou data limite de banimento de conta. A frase mais comum era “O bRO provavelmente acaba no dia [insira aqui a data de renovação do contrato que alguém descobria e vazava para a comunidade]“.

Mundos virtuais acabam se tornando parte de nossas vidas. Sabe aquela definição de “O que é real?”, feita no filme “The Matrix”? Lembrar de cada rua, cada masmorra, NPC de quest, cada luta de MVP… tudo isso torna um jogo online “real” para nós. É confortante saber que meus personagens e itens estão lá. Eles existem e estão a um pagamento bancário de serem acessados novamente. Mas acho que eu não aguentaria ficar conectado sabendo que os servidores serão encerrados definitivamente para sempre.

Mas longe disso por enquanto! O jogo continua existindo no Brasil e é mantido pela Level Up!. O site oficial é este aqui: http://levelupgames.uol.com.br/ragnarok/

O QUÊ? NÃO CONHECE AINDA? VAI ME FALAR QUE VOCÊ ACREDITA EM PAPAI NOEL?


O game Destiny que está sendo produzido pela produtora Bungie e que entrou em modo de beta para apenas alguns jogadores que fizeram a pré-compra do game, está aberto para todos os usuários da PSN e Xbox Live, a partir de hoje(24). Para ter acesso ao beta é necessário ter uma conta Plus na PSN ou uma Live Gold no Xbox.

O game que é dos mesmos criadores da série Halo, promete levar os jogos  online de console ao novo patamar, já que o game adiciona diversos elementos de MMOs que são bastante populares no PC. Além disso, jogo game pega diversos elementos chaves de séries como Borderlands, Mass Effect e Halo.

O beta aberto termina no domingo(27) e o lançamento completo do game está previsto para acontecer no dia 9 de setembro. Destiny será lançado para Playstation 3, Playstation 4, Xbox 360 e Xbox One.


Pegue o famoso gênero de “navinha” e junto com uma história medieval e você terá o game chamado Gryphon Knight Epic, game criado pelo estúdio indie brasileiro, Cyber Rhino Studios localizado em Florianópolis. O game traz ação em 2D com o estilo retrô de games lançados para o Super Nintendo e Mega Drive. O jogo também traz batalhas épicas contra chefes onde será possível pegar seus equipamentos ao derrotar o monstro.

Screenshot8

Você joga com o cavaleiro Sir Oliver e o seu fiel grifo, com a missão de se reunir mais uma vez para uma nova aventura. Na história, todos os amigos de Sir Oliver se voltam contra ele e a sua missão é desvendar esse mistério. O jogo terá um total de 8 fases, sendo possível tomar caminhos alternativos além de contar com diversos equipamentos para o seu personagem.Gryphon Knight Epic está sendo desenvolvido para PC, Mac e Linux.

0v20Y3Q

O estúdio é composto por quatro pessoas. Sandro Tomasetti e Joe Junior são os programadores. Sandro também fica encarregado do game design. A arte jogo é feita pelo Daniel Kai e a música e efeitos visuais por Yuri Witte. O jogo ainda não tem um preço definido mas está previsto para ser lançado no verão de 2015.

Abaixo, você confere o primeiro trailer de Gryphon Knight Epic. Também é possível acessar o site oficial do game clicando aqui


Deu para ver na tela dos jogadores do CBLOL que rolou neste final de semana, em São Paulo, que algo diferente estava na chamada do jogo. E finalmente descobrimos o que é: uma animação nova! Com mais de 6 minutos, sinta a emoção do que é uma partida em Summoner’s Rift, mas com um tom mais dramático!

Vídeo: Uma Nova Alvorada

Aqui no site da animação dá para pegar várias imagens!

http://br.leagueoflegends.com/pt/page/uma-nova-alvorada

E tem também o vídeo do making off!

Baits, KS, Feeder… e essa abertura de pernas da Katarina que EEEEEEEEEEEEETA MEU DEUS!

kat1

kat2

Agora aguenta as comps Jax / Rengar / Ahri / Graves / Leona e Darius / Nautilus / Katarina / Draven e Zyra. :D